1. Desafiante #5 - Luiz Yassuda

    Yayá, o @luizyassuda, era o franco favorito por ter demonstrado ser capaz de comer até dois Ibitipocas por almoço em outras ocasiões.

    Entretanto, ser favorito não é ganhar o campeonato e, no finalzinho do jogo, as pontadas hipercalóricas do famigerado prato fizeram Yayá desistir da taça.

    Vejamos o resultado:

    Foi por pouco! Será que ele vence num próximo desafio?

  2. Desafiante #4 - Sarah Bergamasco

    A Sarah, a.k.a. @SarahShoeMe, também desafiou o poder calórico do Ibitipoca, o mexidão mais querido do Brasil. A pequena infante quis provar que mesmo sendo a menorzinha dos competidores, poderia desbancar favoritos e matar um Ibitipoca inteiro.

    É, mas ela não parecia muito confiante logo de cara:

    Sarah começou pelas bordas, foi comendo os torresminhos, mandou ver no ovo frito, jogando arroz na gema para garantir aquela mistura gostosa. Mesmo assim, o Ibitipoca foi mais forte, o que inspirou pensamentos bulímicos na menina. Vamos ao scout do jogo:

  3. Desafiante #3 - Daniel Soares

    Daniel, o @daniel_soares, entrou em campo determinado a se tornar um vencedor contra o famigerado Ibitipoca. Declarou estar com fome e não se preocupar com seus níveis de colesterol e triglicérides.

    É, mas o prato fez uma nova vítima, e Daniel levou uma surra do Ibitipoca. Daniel sucumbiu. Não agüentou as 2500 calorias do prato nem com intervalo para tomar um ar. Sua despedida da agência terá, para sempre, este momento inglório que nem sempre o homem pode vencer o (ou a gordura) animal.

    Vamos ao desempenho do derrotado desafiante:

  4. Desafiante #2 - Elisa Mafra

    Elisa Mafra, a @elimafra, ousou desafiar o magnânimo e incontestável Ibitipoca, o prato dos guerreiros.

    Em seu córner, veja Elisa antes do desafio:

    Para começar, Elisa entrou na modalidade dentro da categoria café-com-leite, por ter pedido seu Ibitipoca sem o maravilhoso ovo frito por cima da mistura pesada de arroz, feijão, couve e carne-de-sol.

    Vamos ao desempenho da desafiante derrotada pelo Ibitipoca:

  5. Este é Paulo e ele comeu um Ibitipoca inteiro. Foi um bom garoto enquanto o seu nível de colesterol não subiu a níveis alarmantes a partir de então.

    Este é Paulo e ele comeu um Ibitipoca inteiro. Foi um bom garoto enquanto o seu nível de colesterol não subiu a níveis alarmantes a partir de então.

  6. O Ibitipoca é um desafio para os grandes. Um grande mexidão de tudo o que entope uma boa safena em porções cavalares a um preço módico, servido por um simpático restaurante mineiro da Praça Benedito Calixto.
Este Tumblr premiará os seus desafiadores, sejam eles sobreviventes ou não!

    O Ibitipoca é um desafio para os grandes. Um grande mexidão de tudo o que entope uma boa safena em porções cavalares a um preço módico, servido por um simpático restaurante mineiro da Praça Benedito Calixto.

    Este Tumblr premiará os seus desafiadores, sejam eles sobreviventes ou não!